hr_Hitchcock_1

por Daniel Odon

O filme “Hitchcock” é dirigido por Sacha Gervasi e se baseia no livro “Alfred Hitchcock e a produção de Psicose”, de Stephen Rebello (“Alfred Hitchcock and the Making of Psycho”). A obra retrata o lado biográfico de Hitchcock através de seu trabalho, enaltecendo a arte de fazer filmes como uma ponte de acesso a sua genialidade e vivacidade, além de despir sua alma e desejos impublicáveis.

O enredo se passa em 1959 e Alfred Hitchcock (Anthony Hopkins mergulhado num manequim obeso e sob maquiagem de traços faciais ressaltados) é o mais conhecido diretor de cinema do público geral, conhecido como o mestre do suspense. Após a estréia do bem sucedido “Intriga Internacional”, Hitchcock é abordado por um repórter que lhe indaga se já não seria a hora de parar no auge da carreira, tendo em vista ser o diretor mais famoso da história do cinema e contar com 60 anos de idade. Apesar de não respondida, a pergunta ecoa nos pensamentos de Hitchcock e o fomenta a criar um estilo inovador, quando então engaja no seu novo projeto desacreditado pela maioria e por sua Produtora, “Psicose” (Psycho).

A narrativa dos fatos envolve a produção do filme Psicose, a dedicação e perseverança do diretor, sobretudo a grande devoção de Hitchcock à sua esposa, Alma Reville (Helen Mirren), que fielmente o apoiou em todas as decisões e se revelou uma grande mulher detrás de uma grande personalidade, suportando inclusive seus devaneios platônicos com suas protagonistas loiras. O sucesso de Psicose contou com a crucial participação de Alma, tanto na edição final, quanto na elaboração da inesquecível cena do ataque à faca no chuveiro e seu som arrepiante, que tornou célebre e tão festejado o longa metragem.

O filme é bem montado e dirigido, seu enredo consistente e fiel à biografia de Alfred Hitchcock. A atuação de Anthony Hopkins, como esperado, é majestosa, embora algumas vezes ofuscada pela igualmente brilhante Helen Mirren. As participações de Scarlett Johansson, no papel de Janet Leigh,  e Danny Huston, no papel de Whitfield Cook, engrandecem a obra. Não há dúvidas sobre a boa diversão e entretenimento que a produção proporciona.

Nota: 9/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s