por Lorena Côrtes

Se você procura por um drama “daqueles”, “À Beira do Caminho” é a escolha certa. Com direção de Breno Silveira, o mesmo de “Dois Filhos de Francisco”, o filme narra a história de João, um amargurado caminhoneiro que é atormentado por traumas do passado. Embalado por canções de Roberto Carlos, o caminhoneiro busca se encontrar pelas estradas do Brasil. É quando o pequeno Duda surge em sua carroceria, fazendo com que João questione suas escolhas de vida.

Apresentando Vinícius Nascimento com o personagem Duda, a trama surpreende por sua carga emocional e um tanto melancólica. A relação que surge entre os dois personagens principais encanta o espectador, que passa a torcer pela felicidade dos dois.

Nada mais brasileiro que Roberto Carlos poderia agregar tão bem ao drama desse cenário empoeirado. Apesar de a produção não pecar na arte e no enredo, o Brasil volta com a receita cinematográfica preferida: o retrato de um país pobre e trabalhador. Previsível, mas que sempre emociona. Nota 10, Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s