deadpool_7

por Ed Jr.

Deadpool, dirigido pelo novato em longas-metragens Tim Miller, é o mais recente filme da Fox baseado em quadrinhos de super-heróis.

A bola da vez é Wade Wilson (Ryan Reynolds, de “O Dono da Festa”, “Lanterna Verde”), um ex-militar que leva a vida como mercenário até conhecer seu amor, a prostituta Vanessa (Morena Baccarin, das séries “Firefly” e “Homeland”).

Diagnosticado com câncer em estado terminal, Wade resolve se submeter a um tratamento clandestino chefiado por um homem chamado Ajax (Ed Skrein, de “Esquadrão Sem Limites”). O doloroso tratamento causa mutações no DNA de Wade, dando-lhe um extraordinário poder de cura a ponto de fazer o câncer desaparecer. Entretanto, além do superpoder, o mercenário acaba levando consigo marcas por todo o corpo.

Em busca de vingança, armado e com habilidades especiais, Wade se transforma no cínico mascarado Deadpool e parte atrás de Ajax.

O elenco ainda conta com Karan Soni (“Goosebumps: Monstros e Arrepios”), T.J. Miller (“Cloverfield: Monstro”) e Gina Carano (“Velozes & Furiosos 6”).

Com um herói diferente nas mãos e, assim, precisando produzir um filme diferente dos outros, podemos dizer com toda a certeza: Fox, você acertou nessa! Apesar de ser apresentado como “mais um filme de super-herói”, “com mais uma garota gostosa” e “um vilão com sotaque britânico”, Deadpool tem tudo isso sim, mas também tem muito mais! Ação, comédia, romance, violência, sangue… Tá tudo lá!

Conhecido como o Mercenário Tagarela, Deadpool não poupa ninguém. Do próprio Ryan Reynolds até a Fox, passando pelos X-Men e Liam Neeson (o.O), todos são alvos de cutucadas e (in)diretas.

Mesmo com o enredo básico e previsível, Tim Miller conseguiu se sair muito bem no trabalho. Com tomadas em câmera lenta e a quebra da quarta parede (personagem falando com o leitor/espectador), é possível observar todos os detalhes nas cenas e ainda sentir uma certa intimidade com o herói, como se ele fosse aquele seu amigo sarcástico que se acha o tal.

Sobre Ryan Reynolds, esse papel foi feito pra ele e ele foi feito pra esse papel. Simples assim… 😉

Resumindo: Deadpool vale a gasolina, o estacionamento, as filas, o ingresso e a pipoca. Assista!

Nota: 9,5/10

OBS: Só não leva 10 porque o meu único 10 para super-heróis foi “Os Vingadores”!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s