Hercules-TheRock-Poster

Por Marina Lima

O novo filme dirigido por Brett Ratner, Hércules, baseado no quadrinho The Thracian Wars, mostrou em uma super produção uma nova perspectiva da ideia de “Semi Deus”. Hércules (Dwayne Johnson) – mais conhecido como The Rock, mostra como o poder de uma história é significativo para um herói.

O longa inicia contando a história de um grupo de mercenários que trabalham em troca de ouro. Cada um deles tem um talento diferente para guerra, os tornando “indestrutíveis”. A Amazonas Atalanta (Ingrid Bolsø Berdal), Autolycus (Rufus Sewell), Amphiaraus (Ian McShane), Tydus (Aksel Hennie) e Lolaus (Reece Ritchie) – os personagens amigos de Hércules, são um complemento da desconstrução do endeusamento, no qual o filme tenta passar.

 Quando o Rei de Tracia faz uma proposta para que Hércules treine os soldados de seu reino para o combate contra seus inimigos. No decorrer dos treinos, Hécules revive experiências traumáticas de sua vida através de sonhos e flashbacks, deixando visíveis algumas dúvidas a respeito de seu passado, no qual é uma incógnita tanto para o telespectador quanto para o próprio personagem. Por esses e outros motivos ele se sensibiliza pela situação de Tracia e se sente na obrigação de ajudar, não como mercenário mas como herói. Com a guerra ganha, ele descobre que na verdade o inimigo era outro, assim, tenta mudar o curso da história. A mitologia se desconstrói e vira apenas mito. Deixando uma visão de que Hércules é apenas um homem muito forte e com uma grande reputação moldada por seu sobrinho Lolaus (conhecido como o contador de estórias).

 O filme é de fato uma produção promissora que atrai surpresas para quem tem uma visão de mitologia hollywoodiana clichê. Apesar de ter deixado a desejar em alguns aspectos de montagem e trilha sonora que por muitas vezes estava apagada, não ajudando a trazer emoção para os momentos de guerra, além de cenas contraditórias que não ajudavam o rumo da narrativa.

 No fim das contas a dúvida a respeito de ser ou não um filho de Zeus persistiu com a curiosidade da possível continuação de Hércules.

Nota: 7/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s