por Ed Jr

Filmado em menos de 30 dias e com orçamento de filmes B, Corra! (Get Out) é um thriller de suspense e primeiro trabalho como diretor do ator Jordan Peele (“Keanu: Cadê Meu Gato?!”, série “Key and Peele”).

Na trama, Chris (Daniel Kaluuya, “Sicario: Terra de Ninguém”, série “Black Mirror”) é um jovem negro que namora Rose (Allison Williams, série “Girls”), garota branca de uma família ‘tradicional’. Junto há cinco meses e vivendo um apaixonado romance, o casal embarca para um final de semana numa pacata cidadezinha do interior, onde Chris conhecerá os pais de Rose.

Apesar do receio de ser mal recebido – Rose não avisara aos pais sobre a cor do namorado –, Chris, ainda que tenha notado que algumas estranhas situações, é bem tratado pelos familiares da garota. O que o jovem não esperava era que as tais situações se tornassem cada vez mais bizarras, mostrando que aquele sombrio final de semana se tornaria o mais surpreendente e perigoso de sua vida.

O elenco conta também com Bradley Whitford (da série “West Wing”), Catherine Keener (“O Virgem de 40 Anos”) e Caleb Landry Jones (“O Último Exorcismo”), respectivamente como pai, mãe e irmão de Rose, Marcus Henderson (“Django Livre”), Betty Gabriel (“12 Horas Para Sobreviver: O Ano da Eleição”) e LilRel Howery.

Em sua estreia como diretor, o comediante Jordan Peele consegue surpreender positivamente. Com boa direção e roteiro bem original, Corra! é uma das gratas surpresas de 2017.

É difícil falar sobre o filme sem dar algum spoiler, mas vale destacar que todos os atos são muito bem construídos, com o clima de suspense e aquela sensação de “tem algo muito errado nisso tudo…” sempre presentes. Ou seja, há tensão suficiente! Além disso, a trama tem também seus momentos de humor, quase todos protagonizados por Rod (a atuação de Howery merece elogios!), o amigo confidente de Chris.

Como dito acima, Howery vai muito bem, assim como todo o elenco. Mesmo formado em sua maioria por ‘desconhecidos’, o conjunto agrada e todos conseguem passar as mais variadas sensações ao espectador, desde a tensão de Chris ao jeito estranho e meio bizarro da família.

Um filme de suspense/terror/ficção com pitadas de comédia e que trata com criatividade uma questão muito séria, transmitindo ao espectador a necessidade de uma reflexão sobre o racismo. Alguns podem achar até achar previsível, mas Corra! é, de maneira geral, diferente. Definitivamente vale o ingresso!

Nota: 8,5/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s