Review: O Homem do Futuro (2011)

Publicado: 31/08/2011 em Comédia, Criticos, Dan Costa, H
Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

por Dan Costa

Quando vi o trailer de O Homem do Futuro, eu pensei “Caramba, um filme de comédia que foge um pouco dos padrões brasileiros!”. Sim, confesso que fiquei feliz em saber que um filme sem ser de favela ou sertão estava para ser lançado. Mas eu deveria ter ficado apenas no trailer.

O Homem do Futuro peca por tentar recriar momentos já batidos no cinema americano, utiliza atores descartáveis, se prende a um roteiro fraco e cansa já na primeira meia hora. O filme conta a história de Zero (Moura), um cientista brilhante que inventa uma máquina do tempo e volta aos anos 80 para reconquistar sua amada, Helena (Alline Moraes). Mudando o passado, ele vê que acaba alterando o futuro. Daí ele volta sempre ao passado para tentar consertar a cagada e encontra com outras versões de si mesmo.

As únicas coisas que prestam nesse filme, em relação ao elenco são os atores Wagner Moura e Alline Moraes. Moura já é conhecido por seu trabalho em Tropa de Elite e aqui ele faz um trabalho bom, mas as vezes irrita também. Alline Moraes mostra algumas qualidades, além de aparecer de lingerie. O ponto mais baixo foi a escolha de Fernando Ceylão para fazer o papel de melhor amigo, o Otávio. Ceylão não tem carisma nenhum, se mostra desconfortável na frente das câmeras e é tão apático quanto seus números de stand-up. É isso que ele é: um comediante meia-boca de stand-up. Nada mais, nada menos.

O diretor da película é Carlos Torres, que também fez o bom A Mulher Invisível. Apesar deste filme ser uma merda, Torres é merecedor de reconhecimento por tentar fugir da mesma fórmula utilizada por outros diretores. Afinal de contas, brasileiro adora copiar o que dá certo ao invés de tentar criar coisas novas (opinião minha).

Resumindo: O Homem do Futuro me parece um De Volta Para o Futuro genérico. Tem seus pontos positivos, mas acho que é melhor esperar para vê-lo na Sessão da Tarde, ou então no Intercine depois de bater Desejo de Matar 45 na votação. E SE ganhar de Desejo de Matar, será uma vitória apertada. Se eu pudesse voltar no tempo, voltaria para antes de ver o filme e decidir fazer algo melhor.

Nota: 3/10

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s