por Ed Jr

Homem-Aranha: De Volta ao Lar (Spider-Man: Homecoming), dirigido por Jon Watts (do excelente terror “Clown”), é a terceira versão com o Cabeça de Teia (Tobey Maguire em 2002 e Andrew Garfield em 2012) e o mais recente filme do imenso universo Marvel.

Esse novo reboot se passa após os acontecimentos de Capitão América: Guerra Civil, onde fomos apresentados ao Homem-Aranha/Peter Parker de Tom Holland (“Capitão América: Guerra Civil”, “No Coração do Mar”). De volta à NY, Peter precisa se reacostumar à vida de adolescente, conciliando sua rotina e seus estudos com as ‘atividades extras’.

Aconselhado por Tony Stark (Robert Downey Jr., “The Avengers: Os Vingadores”, “Homem de Ferro”), Peter passa seus dias combatendo pequenos crimes enquanto aguarda um novo chamado d’Os Vingadores. Cansando da falta de ação, o jovem acredita que sua oportunidade de ouro surge quando um novo vilão chamado Abutre (Michael Keaton, “Batman”, “Birdman ou – A Inesperada Virtude da Ignorância –”) se torna uma ameaça aos moradores de NY. O que o herói não imaginava era que a missão se mostraria bem mais complicada do que aparentava.

Além de Holland e Downey Jr., o elenco traz também Marisa Tomei (“Capitão América: Guerra Civil”), Jon Favreau (“Homem de Ferro”) e Jacob Batalon (“North Woods”), dentre outros.

Com muito bom humor e várias referências a alguns clássicos como “Curtindo a Vida Adoidado” e “Clube dos Cinco”, Homem-Aranha: De Volta ao Lar acerta em cheio ao focar na vida pós-Vingadores de Peter. O quase novato Jon Watts mostra a que veio e nos entrega um excelente filme, com um roteiro bem amarrado – ainda que tenha faltado explorar e explicar mais detalhadamente a súbita transformação do Abutre em um assassino sanguinário -, recheado de cenas de ação e de comédia bem equilibradas, além dos espetaculares efeitos especiais (mas isso já era esperado…..).

Mesmo com tudo funcionando extremamente bem, o destaque é, sem dúvidas, Tom Holland! O ator domina completamente o personagem e nos entrega um Peter Parker/Homem-Aranha perfeitos, passando toda a emoção e angústia perante os momentos de dificuldade sem deixar de lado as trapalhadas e empolgações do adolescente que acabara de se tornar um super-herói. Vale destacar também Jacob Batalon (o garoto encaixa como uma luva no papel do amigo nerd/CDF e é responsável por boa parte das cenas cômicas!) e as atuações sempre sólidas de Robert Downey Jr. e Jon Favreau (que funcionam como excelentes mentores ao jovem Peter).

Em suma, mesmo que tenha faltado uma ou outra coisa, parabéns aos envolvidos! Finalmente um filme do Homem-Aranha que realmente cumpre as expectativas (depois de 5 tentativas, ainda que “O Espetacular Homem-Aranha” tenha sido bom, já era hora de acertarem na mosca, né!? ¯\_(ツ)_/¯).

OS: DUAS cenas pós-créditos!!! A segunda é SENSACIONAL!!! Fica a dica…. 😉

Nota: 9/10

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s