Review: Aliados (2017)

Publicado: 16/02/2017 em A, Ação, Criticos, Drama, Ed Jr
Tags:, , , , , , , , , ,

aliados-poster

por Ed Jr

Aliados (Allied) é o mais recente trabalho do competente e aclamado diretor Robert Zemeckis (“Uma Cilada Para Roger Rabbit”, trilogia “De Volta Para o Futuro”, “Forrest Gump: O Contador de Histórias”).

Numa mistura de ação, romance e drama, o filme se passa no início dos anos 40 e conta a história dos espiões Max Vatan (Brad Pitt, “Clube da Luta”, “Entrevista Com o Vampiro”) e Marianne Beausejour (Marion Cotillard, “Piaf: Um Hino ao Amor”, “A Origem”) que, durante uma missão para assassinar um embaixador nazista no Marrocos, se apaixonam um pelo outro.

Em Londres, anos depois da missão e do casamento, a felicidade do casal será abalada por conta de suspeitas do Serviço Secreto – órgão para o qual Max trabalha – ligando Marianne às forças alemãs. Desconfiado por não saber em quem acreditar, Max, buscando a verdade sobre a amada, parte numa missão pessoal que pode ou não decepcioná-lo, mas que lhe trará as respostas que tanto procura.

Além dos protagonistas, o elenco traz ainda Jared Harris (“O Agente da U.N.C.L.E.”, “Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras”), Lizzy Caplan (“Meninas Malvadas”, “Cloverfield: Monstro”), August Diehl (“Bastardos Inglórios”, “Salt”), Matthew Goode (“Watchmen: O Filme”, “O Jogo da Imitação”), entre outros.

Talvez um dos ‘males’ de ser um renomado diretor seja a pressão para que todos os seus filmes sejam excelentes, e com Zemeckis não foi/é diferente. Aliados, seguindo essa linha, foi cercado de expectativas que, infelizmente, não se cumpriram.

O roteiro, ainda que com uma reviravolta e algumas doses de mistério, é inconstante e corrido, deixando tudo meio apressado na trama. Os atos vão passando sem muito aprofundamento, o que torna o enredo consideravelmente superficial.

De positivo podemos destacar tanto a parte técnica do filme (a bela fotografia no estilo vintage e o figurino recriam com perfeição as paisagens da época) quanto a atuação da dupla Pitt-Cotillard.

A premiada atriz, extremamente talentosa, se sobressai na pele da espiã e transmite muito bem ao espectador a dúvida sobre a identidade de Marianne. Pitt, por sua vez, mostra-se um pouco abaixo do que costuma apresentar em seus trabalhos, mas, mesmo assim, demonstra satisfatoriamente o carisma e a instabilidade de seu personagem.

Aliados tem sim seus pontos destacáveis, porém, deixa a desejar de modo geral. Ainda que longe de entrar no rol de filmes como De Volta Para o Futuro ou Forrest Gump, a nova produção de Zemeckis pode ser um bom divertimento. Em suma, é um filme agradável, mas não inesquecível…

Nota: 7,5/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s